Fracasso do filme ”John Carter” causa demissão do patrão da Disney

O patrão dos estúdios Disney, Rich Ross, demitiu-se hoje, depois do fiasco do filme John Carter, que deverá custar 200 milhões de dólares (151 milhões de euros) ao gigante da indústria do cinema e do entretenimento. No início de abril, os estúdios Disney reconheceram que as receitas catastróficas de “John Carter”, filme de ficção científica ainda em exibição em Portugal.

Fracasso do filme ''John Carter'' causa demissão do patrão da Disney

«Não penso que o papel de presidente seja, de ora em diante, o papel profissional que me convém. Por este motivo, tomei a decisão difícil de me demitir do cargo de presidente dos estúdios Walt Disney, com efeito a partir de hoje», declarou Rich Ross, citado pela agência noticiosa francesa à AFP, numa mensagem de correio eletrónico enviada aos funcionários.

Ross realçou que, durante os últimos 15 anos, teve «a oportunidade de trabalhar, com pessoas incrivelmente talentosas, para a marca mais amada do mundo».

No início de abril, os estúdios Disney reconheceram que as receitas catastróficas de “John Carter”, filme de ficção científica ainda em exibição em Portugal, lhe iriam custar cerca de 200 milhões de dólares.

Fonte: Lusa/SOL

Related Posts with Thumbnails